Clique aqui para voltar à tela inicial da ajuda


Seções do arquivo de projeto


O arquivo de projeto do Mep Installer é formado por diversas seções, identificadas por uma palavra-chave entre colchetes [Assim]. Cada seção gerencia um grupo de itens relacionados à instalação. As opções, arquivos, configurações... devem ser definidas nas seções adequadas.

Clique na seção que você deseja ver (as mais importantes estão em negrito):

[Setup] É utilizada para definir itens básicos e essenciais da aplicação. Basicamente a seção principal, determina o nome do programa, define valores padrões para a pasta onde ele será instalado, nome do grupo de programas no menu Iniciar, se o usuário poderá alterar o caminho de instalação, se a instalação se dará em tela cheia ou não...
[Types] Define os tipos de instalação, tais como "Completa", "Personalizada" e "Mínima"
[Components] Nomeia os grupos de componentes da aplicação, associando-os a um determinado tipo. Há grupos de componentes que pertencem ao tipo "completo" e ao "mínimo", por exemplo.
[Tasks] Define os nomes das tarefas que o programa de instalação executará ao final da instalação, apenas se o usuário marcar a opção para a tarefa. Por exemplo, crie uma tarefa para perguntar se o usuário quer criar um atalho na área de trabalho. Se a tarefa for selecionada, os itens associados a ela serão executados.
[Dirs] Permite criar pastas durante a instalação, para ficar. Por exemplo, subpastas na pasta do programa, na pasta do usuário, etc.
[Files] Seção essencial, define os arquivos que fazem parte do seu programa. Basicamente localize o arquivo, defina a pasta de destino e utilize "recursos" adicionais, com as "flags".
[Icons] Nesta seção você define os atalhos que serão criados pelo instalador. É através dos atalhos que os usuários abrirão seu programa, por exemplo, pelo menu Iniciar ou pela área de trabalho.
[InstallDelete] Durante a instalação de uma atualização, é comum que você não vá mais precisar de arquivos velhos da sua aplicação. Como na atualização o programa anterior não é "removido", mas "substituído", a seção InstallDelete permite excluir arquivos ou pastas específicos em tempo de instalação.
[Messages] Permite alterar as mensagens da tela do instalador, por exemplo, se for alterar apenas algumas, não há a necessidade de se criar um novo arquivo de linguagem.
[LangOptions] Esta seção define algumas especificações dependendo da linguagem, como fonte da tela, tamanho, etc. Ideal apenas para utilizar em idiomas bem diferentes do português ou inglês, onde algumas características do programa de instalação podem ficar um pouco estranhas.
[INI] Cria entradas em arquivos INI. Dependendo das configurações do seu programa, é mais recomendável utilizar o registro.
[Registry] Esta seção cria entradas no registro. Permite configurar itens da sua aplicação já em tempo de instalação, fazer associação de arquivos ou qualquer outra modificação.
[Run] Esta seção indica os programas que rodarão após a instalação ser concluída. Ainda pode-se especificar, por exemplo, se o programa de instalação deverá esperar que o programa seja finalizado ou não.
[UninstallDelete] Define arquivos que poderão ser excluídos após a desinstalação. Por exemplo, algum arquivo que seu programa tenha criado em tempo de execução, e que por vias normais o desinstalador não o removeria.
[UninstallRun] Semelhante a seção [Run], mas esta define arquivos para serem executados após a desinstalação.

Clique aqui para voltar à tela inicial da ajuda